Islamismo I
rghjghkgjk.jpg

Origem
O Islamismo não é uma religião considerada nova, ele surgiu por volta de 600 d.C. Originou-se na cidade de Meca (atual Arábia Saudita). Teve inicio através de um pequeno mercador chamado Maomé. Maomé nasceu aproximadamente no ano de 570 d.C, ele é descendente de Ismael filho de Abdala e Amina, seu pai faleceu um pouco depois do seu nascimento, em uma guerra, deixando de herança 5 camelos e 1 escrava.
Quando Maomé tinha 6 anos sua mãe morreu. Então estava órfão e começou a viver com sua avó Abdu L'Muttalib que morreu dois anos depois. Ele começou a ser cuidado pelo seu tio paterno Abu Talib. Maomé não herdou nada pois era menor de idade, tendo assim uma infância difícil sendo até analfabeto. Com 12 anos começou a viajar com seu tio e virou um comerciante. Em uma dessas viagens um monge falou que ele seria um profeta.
Então virou pastor e casou-se com uma mulher mais velha (Khádidja) aos 25 anos. Em um de seus retiros espirituais Maomé relatou que recebeu a palavra divina através do anjo Gabriel, que lhe revelou existência de um único Deus (chamado Alá), criador do mundo e juiz de todos os homens. Para atingir o paraíso os homens deveriam amar a esse Deus com sinceridade absoluta, a ele dirigissem suas preces diárias e praticassem caridade por toda a sua vida.
A palavra árabe “íslã” significa "submissão". Percebe-se através do significado, que o homem deve se entregar à Deus e se submeter a sua vontade.

Muçulmano, Islâmico ou Árabe?
Islâmico é o termo usado que se refere aos seguidores do Islamismo, muçulmanos é apenas um sinônimo de islâmico, e árabe é uma etnia de um povo que habita principalmente o Oriente Médio e o norte da África.

Os cinco pilares do Islamismo
As obrigações religiosas dos muçulmanos são consideradas "os cinco pilares":

  • Fé: "Não há mais Deus que Alá e Maomé é o enviado de Alá", esse credo é dito várias vezes ao dia pelos muçulmanos;
  • Oração:Orar diariamente a Deus, com o corpo voltado para Meca;
  • Caridade:Realizar obras de caridade, que na maior parte das vezes é uma taxa ou imposto formal sobre a riqueza e propriedade;
  • Jejum: Realizado durante o Ramadã (em um mês de 29 ou 30 dias do calendário lunar do Islã). O Corão proíbe os muçulmanos de comerem porco, por ser um animal considerado impuro,e ingerir bebidas alcoólicas;
  • Peregrinação: Todo muçulmano adulto, com condições financeiras e em um estado de saúde bom, deve pelo menos uma vez na vida realizar uma peregrinação até Meca(Arábia Saudita).

Explicação sobre a origem do mundo e do ser humano
No Corão consta que Alá criou o céu e a terra em seis longos períodos de tempo, ou seis dias. O primeiro homem a ser criado foi Adão, a partir deste que a raça humana cresceu e se multiplicou, descendendo de Adão e Eva.

Livro Sagrado
O livro sagrado no Islã é o Corão.O Corão é considerado pelos muçulmanos a palavra literal de Alá - Deus, em árabe -, revelada ao longo de 22 anos a Maomé. O livro tem 114 capítulos ou surahs (suratas) e 6236 ayats (versos) e foi escrito para ser recitado - Corão significa "recitação" ou "leitura". Não se trata de um relato religioso, mas de um código de leis que deve reger a vida em todas as áreas.

Símbolo sagrado
O símbolo sagrado do islamismo é a Lua Crescente com Estrela, na qual, representa a renovação da vida e da natureza (os islâmicos seguiam um calendário lunar). Este símbolo sagrado possui várias interpretações, para alguns simboliza o casamento ,a união da lua com a estrela D’alva, e para outros as pontas da estrela significa os cinco pilares do Islã.

srhkjdtghkhfjl.jpg

Principais Rituais

  • Nascimento

No nascimento falam no ouvido do nascido Azán no lado direito e Iqámah no ouvido do lado esquerdo. Que significaria "Deus é grande". Depois precisam fazer o Tanik que significa mastigar um pedaço doce como açúcar. A cabeça é raspada como símbolo de pureza.

  • Circuncisão

É um ritual feito para simbolizar o pacto entre Deus e os humanos. Pode ocorrer em uma criança dos os oito dias até os dez anos de idade.

  • Casamento

Os casamentos muçulmanos são quase sempre arranjados pelos pais visando o melhor parceiro para sua filha. O Corão permite que um homem tenha até quatro esposas, mas muitos casamentos são monogâmicos. O noivo deve pagar um valor pela noiva.

  • Morte

Quando um muçulmano morre, o seu corpo (que é enterrado o quando antes em sinal de respeito ao falecido) é deposto num túmulo simples marcado por um monte de terra.

  • Dia de Ashura

O dia da Ashura é o décimo dia do Muharram, marcando o auge da reflexão do Muharram. É comemorado pelos muçulmanos (xiitas) como o dia do martírio de Husayn ibn Ali.

Grupos Extremistas
''Os extremistas islâmicos podem ser considerados grupos que se opõem à paz'' (FREITAS,

  • Al-Qaeda: Se originou no Afeganistão em 1988, atua no Afeganistão, Paquistão, Quênia, Síria, Índia e Somália, tem como objetivo combater a influência ocidental nos países muçulmanos, seu principal atentado foi nos Estados Unidos em 11 de setembro de 2001;
  • Estado Islâmico: Se originou no Iraque e na Jordânia em 1999, atua no Iraque, Líbia e Síria, o Estado Islâmico assusta tanto pelo avanço militar quanto pelos brutais assassinatos cometidos contra reféns e cidadãos vistos como inimigos do regime.

Números de adeptos no Brasil
Só no Brasil, estima-se que há aproximadamente 1,5 milhão de muçulmanos.De acordo com o IBGE, entre os anos de 2001e 2011, o número de convertidos ao Islã teve crescimento de 25% na nação.

Número de adeptos no mundo
O Islamismo é uma das religiões que mais vem crescendo nas ultimas décadas, agrega aproximadamente um quarto da população mundial, cerca de 1 bilhão e 500 milhões de mulçulmanos ou seja 25% da população mundial pertence a religião islâmica. Maior parte de seus adeptos estão localizados ao norte da África e na Ásia

Sobre a imagem

A imagem faz referência a Meca, um dos lugares mais sagrados para os muçulmanos, onde eles vão para orar e cumprir com suas obrigações perante o Islamismo, em Meca localiza-se a Kaaba, que para os muçulmanos é o único local tocado pelas forças celestes em toda a Terra. Segundo a tradição, Meca foi feita por descendentes de Ismael, primeiro filho de Abraão. Ela foi também o berço da religião islâmica, onde Maomé nasceu e foi enterrado.

Referências

Folhapress. Muçulmanos já são 22,9% da população. 2009. Disponível em: <http://www.gazetadopovo.com.br/mundo/muculmanos-ja-sao-229-da-populacao-bxm6a0fwt6yhuyysbzyxgp3ri>. Acesso em: 30 jun. 2015
BARDINE, Renan. Origens do Islamismo. 2015. Disponível em: <http://www.coladaweb.com/geografia/origens-do-islamismo>. Acesso em: 30 jun. 2015.
MARAIAL, Kelbian. Características do islamismo. 2015. Disponível em: <http://brainly.com.br/tarefa/2319039>. Acesso em: 30 jun. 2015.
Sgnificados. Significado de Xiita. 2011. Disponível em: <http://www.significados.com.br/xiita/>. Acesso em: 30 jun. 2015.
BRITO, Henrique de. Como surgiu o mundo Islamista. 2009. Disponível em: <https://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20090225104923AARphSP>. Acesso em: 30 jun. 2015.
ARTUR, Ana; MOURÃO, Diana; SILVA, Gil; ARTUR, Emília. Islamismo. 2007. Disponível em: <http://areligiao.blogs.sapo.pt/3312.html>. Acesso em: 30 jun. 2015.
Wikipédia. Profetas do islão. 2015. Disponível em: <https://pt.wikipedia.org/wiki/Profetas_do_islão>. Acesso em: 30 jun. 2015.
Nosso Templo. Islamismo: Rituais. 2015. Disponível em: <http://www.nossotemplo.com.br/islamismo_rituais.htm>. Acesso em: 30 jun. 2015
Dicionário de Símbolos. Símbolos Religiosos. 2008. Disponível em: <http://www.dicionariodesimbolos.com.br/simbolos-religiosos/>. Acesso em: 30 jun. 2015.
EENI. Os cinco pilares do Islã. Disponível em: <http://pt.reingex.com/Islam-Pilares.shtml>. Acesso em: 30 jun. 2015.
Super Interessante. Corão ou Alcorão. Disponível em: <http://super.abril.com.br/comportamento/corao-ou-alcorao>. Acesso em: 30 jun. 2015.
GIRALDI, Renata. Islamismo tem cerca de 1,5 milhão de adeptos no Brasil. 2010. Disponível em: <http://memoria.ebc.com.br/agenciabrasil/noticia/2010-04-21/islamismo-tem-cerca-de-15-milhao-de-adeptos-no-brasil>. Acesso em: 30 jun. 2015.
ARAÚJO, Felipe. Islã no Brasil. 2006. Disponível em: <http://www.infoescola.com/islamismo/isla-no-brasil/>. Acesso em: 30 jun. 2015
FREITAS, Eduardo. Extremistas islâmicos. 2015. Disponível em: <http://www.mundoeducacao.com/geografia/extremistas-islamicos.htm>. Acesso em: 16 jul. 2015

Autoria do verbete

Amanda Zagonel
Marciano Victor Biava
Maria Clara Barreto

Estudantes da turma EMITST 2015

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License