Islamismo EMITAI2016A

-> História

islamismo%283%29.jpg

O Islamismo teve origem em Meca, atual Arábia Saudita, por volta de 600 d.C, por um mercador chamado Maomé, do qual relatou que recebeu a palavra divina através da visita do Anjo Gabriel, que revelou a existência de um único Deus (Alá), criador do mundo e juiz de todos, revelou ainda que os homens só chegariam ao paraíso se amassem a esse Deus com sinceridade absoluta, praticassem o bem por toda a vida, e a Ele dedicassem suas preces diária.
Naquela época Meca era o centro de cultos politeístas, e por Maomé pregar uma religião monoteísta, era considerado uma ameaça, pois colocava em risco os negócios dos comerciantes locais. Desde então Maomé passou a ser perseguido e ameaçado de morte, então ele fugiu para um povoado vizinho, onde conquistou proteção e apoio popular, formando um poderoso exército. Maomé construiu a primeira mesquita, estabeleceu a cobrança do dizimo, e escreveu os princípios do islamismo em um livro sagrado chamado Corão.

-> Livro Sagrado

Os Islamicos tem como livro sagrado o Corão.Acreditam que nele Maomé escreveu o que um anjo ditou.

Seu credo, baseado na Lei Islâmica (Sharí’a)FRANCISCO, Wagner De Cerqueria E.

que é feito por seis leis básicas, que e conhecido por eles como os Seis Pilares.

Shahada –>Provar constantemente sua fé;
Salat –> Rezar e agradecer a Deus pelo minimo cinco vezes ao dia;
Zakat –> Ser caridoz@, dar esmolas aos mais necessitados e pagar o dizimo com regularidade;
Hadj –> Todos os Homens que tiverem condições econômicas e de saúde deve peregrinar pelo menos uma vez na vida a Meca;
Saum –> Jejum no Ramadã.

Apesar das regras básicas, com o passar do tem­po surgiram pequenas diferenças ritualísticas e interpretativas que sepa­raram os seguidores do islamismo em diversos grupos, sem, no entanto, quebrar sua unidade cultural e reli­giosa.Essa religião foi dividida em dois principais grupos:

-> Os Sunitas e os Xiitas(Fiéis, à Tradição)

Formam o grupo mais numeroso do islamismo de hoje em dia. Eles seguem o Sunnan, que é a prática do profeta. Segundo eles, os costumes de Maomé devem ser seguidos durante toda a vida. Os muçulmanos sunitas são caracterizados pela moderação na política e pelo alto senso comunitário.

-> Xiitas (Seguidores de Ali)

Os Xiitas surgiram após a morte do “quarto califa” (primo e genro de Maomé, chamado Ali). Depois de sua morte, teve início a divergência que até hoje separa os Xiitas dos Sunitas. Eles passaram a acreditar que só os descendentes de Ali tinham o direito de “comandar” a comunidade islâmica, pois, segundo eles, Maomé tinha revelado para ele os maiores segredos do verso do Corão, que assim foi passando esses segredos de um imã para outro. O imã, para eles é um ser divinizado pelos Xiitas, é considerado infalível e portador da luz divina. Entre eles, os rituais são carregados de emoção e autoflagelação (uma pessoa que machuca-se fisicamente), pois consideram que o sofrimento faz bem para a alma. Já para os Sunitas, isso é inadmissível, e seus rituais são destinados diretamente a Alá.

-> Principais Rituais

Nascimento
Quando uma criança nasce, ela é saudada pela comunidade como um presente de Alá, logo depois do nascimento o pai sussurra no ouvido direito do bebê as palavras do adhan, chamado para a oração, e derrama um pouco de mel na língua da criança, e sua cabeça é raspada como sinal de pureza.

Circuncisão
Os meninos muçulmanos são circuncidados. Embora não seja mencionado no Corão, esse rito é celebrado desde os tempos bíblicos para simbolizar o pacto entre Deus e os humanos. A circuncisão pode ser feita numa criança desde os oito dias até os dez anos de idade.

Casamento
Muitas vezes são casamentos arranjados pelos pais, que procuravam os parceiros adequados para seus filhos. Segundo o Corão o homem pode ter até quatro esposas, apesar disso muitos casamentos são monogâmicos. A cerimônia de bodas pode acontecer na mesquita, na casa da noiva ou do noivo. Ocorre um contrato escrito e o noivo paga um dote pela noiva.

Morte
Quando um muçulmano morre, seu corpo é envolvido no ihram e levado até a mesquita para as preces fúnebres. O corpo - que deve ser enterrado o quando antes em respeito ao falecido - é deposto num túmulo simples marcado por um montículo de terra.

Dia de Ashura
O dia da Ashura é o décimo dia do Muharram, marcando o auge da reflexão do Muharram. É comemorado pelos muçulmanos (xiitas) como o dia do martírio de Husayn ibn Ali.

-> Símbolo Sagrado

download.png

O símbolo sagrado do islamismo é a Lua Crescente com Estrela, na qual, representa a renovação da vida e da natureza (os islâmicos seguiam um calendário lunar). Este símbolo sagrado possui várias interpretações, para alguns simboliza o casamento ,a união da lua com a estrela D’alva, e para outros as pontas da estrela significa os cinco pilares do Islã:oração, caridade, fé, jejum e peregrinação.

-> Como o Islamismo chegou no Brasil e quantos Seguidores tem atualmente no País

Existem atualmente cerca de 27,3 mil muçulmanos (islâmicos) no país, chegaram primeiramente através do transporte de escravos africanos. Mais tarde teve um grande aumento na vinda de muçulmanos árabes para o Brasil, assim aumentando aumentando os seguidores da religião. Sendo assim em 1929 foi fundada uma mesquita islâmica em São Paulo.

-> Explicação sobre a origem do mundo e do ser humano

No Corão consta que Alá criou o céu e a terra em seis longos períodos de tempo, ou seis dias. O primeiro homem a ser criado foi Adão, a partir deste que a raça humana cresceu e se multiplicou, descendendo de Adão e Eva

-> Sobre a Imagem

Alcorão, livro sagrado do ISLAMISMO.

-> Referencias

"Rituais"; Nosso Templo. Disponível em <http://www.nossotemplo.com.br/islamismo_rituais.htm> Acesso em 22 de abril de 2016.
BALDINE, Renan. "Origens do Islamismo"; Cola da Web. Disponível em <http://www.coladaweb.com/geografia/origens-do-islamismo> Acesso em 22 de abril de 2016.
"Significado dos Símbolos"; Dicionario de Símbolos. Disponível em <http://www.dicionariodesimbolos.com.br/simbolos-religiosos> Acesso em 22 de abril de 2016.
FRANCISCO, Wagner De Cerqueria E. "Islamismo"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/religiao/islamismo.htm> Acesso em 22 de abril de 2016.
IMAGEM. Frases Reflexivas do Alcorão; Mensagens Cultura Mix. Disponível em<http://mensagens.culturamix.com/frases/frases-reflexivas-do-alcorao> Acesso em 22 de abril de 2016.

-> Autoria do Verbete

Arildo Valmorbida Junior, Julia Valmorbida, Eduardo Fillippini Amora

EMITAI 2016 A

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License